Noções de Armas de Fogo

Noções de armamento

Não incentivo ninguém a ter armas de fogo, mas em minha opinião, a melhor forma de saber quem está certo ou errado, é a informação. Assim, decidi fazer este post para que as pessoas possam ter uma noção sobre qual arma faz o quê. Não sou perito atirador, instrutor de tiro, etc.. só penso que ao descrever as características de cada armamento, possamos saber efetivamente o quê há no mundo sobre isso.

Pensei em defender o direito de cada um possuir o armamento que melhor lhe aprouvesse, mas após refletir um pouco, imaginei o cenário de seguranças de algum fazendeiro milionário, disparando armas automáticas, com cadência de fogo de algumas centenas de tiros por minuto, em uma possível ameaça com paus e pedras. Ou verdadeiros exércitos particulares que possam entrar em ação a serviço de alguma empreiteira. Acho sim que as restrições deveriam ser menores, mas não completamente liberadas.

Infelizmente, há de se raciocinar que nem todos os que portariam armas mais potentes são pessoas com credenciais inquestionáveis para utilizá-las. Pessoas que estão preparadas e equilibradas que sabem o tamanho da responsabilidade de portar uma arma de fogo de elevada potencia.

Esclarecimentos iniciais:

A fim de permitir uma melhor compreensão do artigo a seguir, serão listadas algumas definições relativas à armas de fogo.

Granada

Trata-se como granada um projétil oco. Neste espaço podem ser colocados vários elementos, como: material incendiário, explosivos, etc.

Normalmente são usadas em armas de grosso calibre como canhões e obuseiros, mas existem granadas lançadas a partir de armamentos portáteis.

Alma lisa

O cano do armamento não possui ranhuras helicoidais. Desenhadas para que os projetis tenham maior estabilidade durante o vôo.

As armas de alma lisa são menos precisas que as de alma raiada.

Alma raiada

O cano do armamento é dotado de ranhuras helicoidais internas. O projétil terá ao sair do cano um movimento de rotação que fará com que tenha mais estabilidade no vôo. São armamentos precisos. Pode-se colocar o projétil em qualquer lugar sabendo o que se está fazendo.

As armas propriamente ditas

Revólver

Uma arma de fogo tipo revólver é uma arma de repetição, de porte individual, normalmente um só cano e com calibres variados. O depósito de cartuchos do revólver é constituído por um tambor ou cilindro giratório.

Consagrado nos filmes de Western, este armamento possui um tempo de recarga e cadência de fogo menor que o das modernas pistolas.

A confiabilidade é uma característica desejável nos revólveres. Em caso de falha em uma munição, basta pressionar o gatilho novamente, que outro cartucho estará pronto para ser disparado. Caso o mesmo ocorra em pistolas, o cartucho ou deverá ser ejetado pela ação direta no ferrolho da arma, fazendo o atirador perder sua visada.

Após executar o disparo, os cartuchos deflagrados ainda permanecem no tambor, ou seja, diferentemente da pistola, que ao término da munição fica com o ferrolho aberto, o revólver não deixa tão evidente que a munição acabou.

Pistola

Armamento que evoluiu dos revólveres. Sua munição á acondicionada em um carregador posicionado na empunhadura da arma.

A capacidade de contar com um maior número de cartuchos disponíveis é uma das vantagens mais evidentes nas pistolas. Alguns carregadores especiais podem chegar a mais de 100 disparos.

Pistolas são hoje o armamento que equipa as forças policiais e de segurança dos países mais desenvolvidos. Há inclusive modelos de cerâmica que passam por detectores de metal.

Ao término da munição a arma fica com o ferrolho na posição recuada, em uma posição chamada “aberta”.

Carabina

Carabinas são fuzis miniturizados. Não têm o mesmo poder de fogo ou precisão, mas atendem as necessidades de vários organismos de segurança.

Carabinas adequaram-se bem às necessidades de forças que combatem em ambiente urbano ou fechado. Nestes cenários os confrontos se dão à curta distância. Torna-se difícil para os combatentes portar uma arma longa como o fuzil sem que tenham seus movimentos limitados.

O celebrado AR-15, tido como a arma mortífera dos bandidos cariocas, não é um fuzil. É uma carabina.

Não se enganem! Carabinas são mortais também. Podem não ter o mesmo apelo dos fuzis, mas têm suas origens neles.

Rifle

Designação de armas longas com cano raiado. Podem ser carabinas ou fuzis. Assim podemos dizer que o fuzil Colt M4 é um rifle, o FAL 7.62mm também é um rifle.

São armas precisas e potentes. A energia cinética oriunda da velocidade que o projétil sai do cano, será transformada em impacto ao atingir o alvo. Ferimentos deste tipo de arma são destruidoresm pois facilmente podem destruir ossos e cartilagens por onde passam.

Fuzil

Armamento que equipa forças de segurança de todos os países. Embora não raro também esteja nas mãos de milícias e bandidos ao redor do globo.

A característica que torna o fuzil tão mortal é a grande velocidade de seus projetis. Com tamanha quantidade de energia, ao atingir o alvo, a morte ou incapacitação é quase sempre certa.

A precisão também torna o armamento um engenho mortal em mãos que saibam extrair dele um bom rendimento.

Sua munição normalmente vem um carregador com razoável capacidade: 20 ou 30 tiros. É comum vermos elementos portando fuzis com dois ou mais carregadores atados por fita adesiva.

Ter um fuzil, além de se constituir um crime no Brasil, será algo muito caro, pois obter a munição não é fácil e a mesma (por meios legais ou ilegais), é cara. Assim tenha a certeza de que quando vemos traficantes atirando a esmo, gastando munição sem parar, tem rios de dinheiro correndo.

Normalmente são armas mais pesadas e longas, não são fáceis de serem escondidas ou portadas. Ao carregar um fuzil, as pessoas VÃO SABER QUE VOCÊ CARREGA UM FUZIL.

Escopeta

Arma de alma lisa (cano liso) que dispara vários projetis chamados balins ou um único chamado balote.

Precisão não é o forte desta arma, mas seu poder de parada a curta distância, em uma área é letal.

É totalmente legal possuir uma escopeta no Brasil. Ela é uma arma barata, simples de ser manuseada, além de ter munição de baixo custo ( uns R$5,00 ou R$6,00). Causa um grande impacto psicológico quando se ouve aquele CLACK/CLACK do mecanismo de carregamento. Qualquer um sabe que ao apertar o gatilho não sobrará muita coisa de quem estiver do outro lado.

Metralhadora

Uma metralhadora é uma arma, com funcionamento automatizado, que é fabricada com a finalidade de fazer disparos de maneira sucessiva e bem rápida, a partir de um cinturão ou fita.

A taxa de disparos de uma metralhadora chega à centenas. Tem funcionamento semelhante ao de um revólver, no sentido de estrutura interna.

As metralhadoras compõem um grande grupo, que é subdividido em três classes: além da primeira, com as próprias metralhadoras, tem-se as submetralhadoras e ainda os canhões automáticos.

A primeira é portátil só até um ponto, porque atinge uso otimizado caso seja afixada sobre bipé ou suporte para dar melhor posição para tiro em campo.  São armas pesadas e não raro precisam de dois homens para transportá-la. Em um passado não muito distante,os seus canos eram resfriados por água ou óleo. É comum os soldados carregarem um outro cano sobressalente para substituir o que esteja em uso. O uso é, geralmente, definido para conflitos em grande escala, ações à média distância, ou uso mais tático, de proteção da equipe.

É outra das armas que se um dia você ver nas ruas é que as coisas realmente ficaram ruins.

Submetralhadora

É a versão da metralhadora para uso de um só homem. Metralhadores não têm muita precisão, mas seu volume de fogo se presta a dar cobertura, ou intimidar quem quer que seja.

A Uzi é famosa pelo seu pequeno tamanho e grande cadência de tiro, mas como já dito, não tem precisão nehuma, tanto que é usada a partir do quadril.

Ver esta arma também é sinal de encrenca. No seriado do Miami Vice, da década de 80, quem usava estas armas eram os traficantes, que dizimavam seus desafetos com suas rajadas mortais.

Lança-Rojão/ Lança-foguetes

Arma muito popular na Segunda Guerra e na Guerra do Afeganistão. O lançador, que é aquilo que o soldado porta, tem um foguete com propulsão própria. Ao atingir o alvo explode, chegando a derreter blindagens de carros de combate.

Foram consagradas como armas anti-tanque. Os combatentes afegãos infernizaram os condutores de tanques soviéticos com estas armas. Baratas, simples e destruidores. Basta apontar e pressionar o gatilho para destruir um tanque ou uma parede.

Não estão disponíveis por aí. Caso você veja alguém na rua com um destes, é que as coisas ficaram realmente ruins!

É comum vermos alguns traficantes exibindo lança-foguetes no Rio de Janeiro. Na verdade são somente os tubos de lançamento. Sei..também não me sinto confortável com isso, mas aqueles tubos são inofensivos, exceto se forem usados como porretes.

Lança-Granadas

Lança-Granadas são armas que disparam um projétil oco que podem ter em seu cerne uma série de substâncias.

A diferença entre os lança-granadas e os lança-foguetes é que os foguetes, pela sua própria definição, têm propulsão própria. As granadas não têm. O foguete tem um motor-foguete que o impulsiona até o alvo. Isso pode demorar menos de 1 segundo, mas este impulso existe.

Nos filmes de ação vemos o popular M-16, ou M-4 com um tubo acoplado logo abaixo do cano. Este tubo é o lançador de granadas, no caso, uma granada de 40mm. É um armamento pesado. Permite lançar uma granada a uma distância bem superior aquela que um homem arremessaria usando somente sua força.

Há também modelos que não estão acopladas em nada. As chamadas bombas de efeito moral das polícias são disparadas por lança-granadas.

Também, a semelhança dos lança-foguetes, se algum destes for visto nas ruas é sinal que os zumbis já tomaram o mundo!

 

Morteiro

Esta arma é de uso exclusivo de exércitos. Morteiros não são para serem operados sozinhos. Para obter um tiro com precisão, devem ser feitos cálculos balísticos. Não são armas para serem usadas por pessoas leigas.

Foram pensadas para apoiar tropas em ação no terreno.

Aproveita a parábola balística para lançar suas granadas.

Pense no seguinte cenário. Você quer atingir inimigos a um curto alcance, mas entre você e eles há uma elevação de tamanho considerável. O morteiro é a arma perfeita para isso. É possível regulá-lo para um tiro de curto alcance, mas com grande “flecha”, altura máxima da parábola de tiro. A granada cairá onde desejamos.

Existem diversos modelos, mas o poder de destruição deles é semelhante a uma granada de mão.

Lança-chamas

Os alemães foram os responsáveis pela introdução do lança-chamas nos conflitos.

Seu emprego ocorreu ainda na primeira guerra mundial.

O princípio de funcionamento é ter um líquido inflamável em um tanque. Ao ser pressionada a tecla do gatilho, o líquido sais sob pressão e encontra uma mecha acesa que inflama o líquido. O jato atinge uma distância de uns 20 metros. O alcance não é extraordinário, mas o efeito é devastador. É uma arma cruel, mas na guerra é matar ou morrer.

Na batalha de Iwo Jima, na segunda Guerra Mundial, os soldados japoneses entocaram-se em cavernas e bunkers e estavam dispostos a morrer ali e levar o maior número de soldados americanos com eles. O uso de lança-chamas possibilitou aos americanos desentocar os japoneses. O jato flamejante era derramado nos buracos e seus ocupantes saiam correndo em chamas em completo desespero.

É possível fazer um lança-chamas caseiro, até com relativa facilidade, mas há um grande inconveniente sobre eles. Eles podem explodir! Os japoneses aprenderam isso rapidamente e alvejaram vários americanos que portavam lança-chamas. A explosão não só matava os portadores da arma, como também aqueles que estivessem ao seu redor.

Longe de esgotar o assunto, há um sem-número de considerações a serem feitas. Mas para fechar o post é o seguinte:

A presente legislação de nosso país permite, A GROSSO MODO, que você, pessoa comum, que não é colecionador de armas, ter pistolas, revolveres e escopetas. Há também restrições no calibre destas armas e o número que você pode ter. Portanto, amigo, NÃO VIAGEM NA MAIONESE: Planeje proteger-se com estas armas. Andar com um AR-15 com mira holográfica, a tiracolo, é coisa WALKING DEAD!

Anúncios

Escreva algo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s